Skip to content

Etiqueta: Radiohead

A experiência Radiohead

radiohead barcelona

O meu último (pelo menos para já) artigo com exemplos da experiência. Se quiserem dar uma vista de olhos nos restantes:

– a experiência The National

– a experiência Broken Social Scene

Radiohead

Claro, tinha de ser. Os meus favoritos desde… 2004. Sim, demasiado tarde, bem sei. Ainda assim, lembro-me bem de como começou. Um download, uma audição e um reminder. Estava eu no 60 com dois colegas meus de faculdade (ia mostrar-lhes o Castelo de São Jorge) quando um deles começou a cantarolar a “Creep”. Deu-me vontade de ouvi-la. Depois disto, foi uma doença que piorou.

Eu ali ao lado

A convite do Pedro Rocha, escrevi um pequeno artigo no Will It Brand? sobre a marca Radiohead. Numa altura em que se fala muito do In Rainbows, optei por pegar…

Motivos que explicam o facto de não odiar as editoras

Eu não odeio a indústria discográfica porque acho que foram responsáveis por me trazer a grande maioria da música que ouço.

As majors tendem a ser um pouco diabolizadas – e com alguma razão – por terem um historial de desrespeito por grande parte dos artistas que editam e pelos consumidores mas até não fizeram um trabalho assim tão mau nos últimos 50 ou 60 anos. O problema da mistura entre negócios e arte é que só muito dificilmente são compatíveis. É que uma empresa quer lucro; o artista pode querer uma série de outras coisas… mas, geralmente, deseja sobretudo produzir e divulgar o que fez. Claro que há os que querem sobretudo dinheiro e reconhecimento… mas esses raramente são artistas.

Prince, o rei do copyright

Prince

Prince é a contradição em pessoa. Tão depressa utiliza métodos inovadores de distribuição de música como a seguir ameaça processar o YouTube e o eBay, como fez há uns tempos, por violação de copyright. É nesse sentido que tem pedido ao YouTube para bloquear todos os vídeos de actuações suas e afins. Mas o que ele muito provavelmente não pode fazer é exigir o bloqueio de vídeos de músicas relativamente às quais não goza de quaisquer direitos legais. E isso impede-o? Ora essa, claro que não.